• img1
  • img3
  • img2

Noite dos Anjos

Noite dos Anjos

Você trabalha, estuda, corre, faz academia... Mas à noite, na hora de ir para cama, ainda assim, não consegue dormir. Segundo pesquisa apresentada no 23º congresso anual da Associação Profissional de Sociedades do Sono, a meditação pode ser uma forma eficaz de tratamento contra a insônia.

 

De acordo com os especialistas autores do estudo, os pacientes que meditam sentem melhoras na qualidade subjetiva do sono e em sua duração total, no tempo de adormecer, da vigília e no acordar.
Para o diretor do programa sobre a insônia do Memorial Hospital de Evanston, Ramadevi Gourineni, a insônia é causada por um ritmo diário de "hiperatividade", com altos níveis de tensão durante certos momentos.


No congresso foi apresentado um estudo que analisa os dados de 11 pacientes, de 25 a 45 anos, com problemas de insônia primária crônica. Durante dois meses, eles foram divididos em dois grupos: um participou de Kriya Ioga (uma forma de meditação) e de aulas sobre saúde. O outro recebeu informações sobre como melhorar a saúde com o uso de exercícios, nutrição, perda de peso e gerenciamento do estresse, mas não fez meditação.


Depois do período do estudo, o grupo que fez meditação registrou melhoras na qualidade do sono, o tempo necessário para dormir e o tempo total de sono.
Gourineni afirmou que os resultados do estudo provam que "ensinar técnicas de relaxamento profundo durante as horas do dia pode ajudar a melhorar o sono à noite".

Camila Moreira

Comentários (0)

Deixe um comentário

Você está comentando como visitante.